A Teologia da arte – FTL núcleo SP

Gerson Borges falou acerca da expressão de um Deus criativo, a partir da Imago Dei

Na manhã do dia 05 de maio de 2010, ocorreu mais um encontro da Fraternidade Teológica Latino Americana, organizada pelo núcleo de São Paulo nas dependências do Seminário Servo de Cristo. Com o tema: A Teologia da arte, e a arte como instrumento pedagógico da teologia o encontro teve apoio do portal Cristianismo Criativo e da W4 editora.

Graduado em Letras com pós em Sociologia da Literatura, o cantor e compositor Gerson Borges, foi o primeiro a palestrar no encontro e tratou da arte a partir da expressão de um Deus criativo, a partir da Imago Dei.  Em seguida o Sociólogo Gedeon Alencar, atualmente doutorando em Ciências da Religião pela PUC de São Paulo, tratou do tema Religião & Arte sob uma perspectiva weberiana.  O Cantor e compositor Jorge Camargo, mestre em Ciências da Religião pelo Mackenzie, apresentou a última palestra sobre a arte cristã e a teologia contemporânea, trabalhou a história da música evangélica no Brasil e suas perspectivas futuras, afirmando que hoje existe muito arte sem poesia e uma teologia sem imaginação.

No momento das perguntas, Jorge Camargo foi a favor da democratização das músicas por cantores na internet, dizendo que não tem problemas quando encontra suas canções da net: “Quem sofre mais com isto é a indústria, quem faz arte independente, eu pretendo disponibilizar todo meu trabalho na internet, isso não interfere no cotidiano do trabalho. Se eu toco uma música nova aqui que tocou no coração de alguém, a pessoa quer o CD na hora, mesmo se depois ele baixar pela internet. Apesar de que estamos numa fase de transição destas coisas, esta tudo muito nebuloso esse mundo da internet e música. Mas tem um lado bastante bom”

O sociólogo Gedeon Alencar trouxe uma perspectiva weberiana sobre Religião & Arte

Jorge Camargo trabalhou a história da música evangélica brasileira e suas perspectivas futuras

About these ads

2 Respostas para “A Teologia da arte – FTL núcleo SP

  1. Interessante o teor da abordagem do artista, mas confesso que sua fala em nada defende a ARTE como ARTE.
    Está faltando artistas no mundo cristão.

  2. Pingback: Núcleo FTL-SP retoma atividades em 2012 | Blog Alex Fajardo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s