Prefácio (01) – Caio Fábio para Robinson Cavalcanti

robinson_cavalcanti8Início neste blog uma categoria chamada Prefácio, que terá como objetivo apresentar os prefácios escritos de alguns livros. Quando alguém escreve o prefácio de um livro, esta dizendo que corrobora, que aposta nas palavras do escritor em questão, que valida e autêntica as idéias difundidas no texto.

 

O 1º dessa categoria é o livro escrito por Dom Robinson Cavalcanti, é da Série Congresso Vinde, o livro é Igreja: Agência de Transformação Histórica, escrito em 1987 publicado pela Editora Sepal. A foto ao lado é de Robinson e retirei da contra-capa do livro.

 

Quem escreve o prefácio deste é Caio Fabio, que relata como conheceu Robinson Cavalcanti e de sua importância e contribuição para a igreja nacional. Segue o texto.

—————

 

Conheci pessoalmente o prof. Robinson em 1978, no Supremo Concílio da Igreja Presbiteriana do Brasil, no Recife, panfletando o auditório com o folheto do MCDC – Movimento Cristão Democrático de Centro. Depois desse primeiro encontro tive a feliz oportunidade de estreitar laços com o Robinson através de um amigo comum o Rev. João Campos. Foi nessa ocasião que estivemos juntos várias vezes no programa de TV do João Campos, na TV Jornal do Comércio e na Educativa de Recife.

 

Também foram muitas as ocasiões que nos encontramos numa reunião de oração que há 3 vezes por semana na 1º igreja Batista daquela cidade. Saíamos dali e íamos tomar café com leite acompanhado de um delicioso queijo derretido num pequeno bar perto da Igreja. Era ótimo.

 

Mas foi em 1979 que meu relacionamento com o Robinson começou a amadurecer. Estivemos juntos, naquele ano, no Geração 79, como preletores dos grupos de quinhentos e em Lima, no Peru, como delegados do Brasil no CLADE – Congresso Latino Americano de Evangelização.

Quando voltamos do CLADE nos reunimos no Recife – Robinson, Valdir Steuernagel e eu – na casa do Robinson, para pensarmos e sonharmos com o CONE – Congresso Nacional de Evangelização.

O CONE virou CBE e aconteceu em Belo Horizonte em outubro de 1983. infelizmente o Robinson não pode participar. Obviamente que a vida e o ministério do Prof. Robinson tem perspectivas e projeções bem mais amplas do que essas que eu acabei de mencionar. Aliás, esse brevíssimo histórico é mais resultado de um certo saudosismo de minha parte do que qualquer possível significado mais profunda para terceiros.

 

Escrever sobre certas recordações particulares são caprichos a que se permite, eventualmente, todo editor. No entanto, devo dizer, à bem da realidade, que o ministério do Robinson tem sido um dos mais profícuos na Igreja brasileira. Foi ele quem “bateu o pé” durante anos – um tanto solitariamente – acerca da “Missão Integral da Igreja”. Foi ele também quem denunciou de maneira veemente a alienação da Igreja em relação ao “dado social concreto”. Foi ele também quem reclamou da igreja uma participação política no “conjunto das decisões sociais”. Foi ele também um dos primeiros a sugerir que a “Teologia da Libertação” não tinha que ser o caminho único daqueles que desejassem olhar para a realidade humana concreta com solidariedade e compaixão engajada.

 

Por tudo isso o Robinson foi, as vezes, chamado pela direita de esquerdista e pela esquerda de direitista. Foi também considerado progressista pelos conservadores e retrógrado pelos Liberais.

Foi por isso e por mais algumas coisas que passei a admirar profundamente o Robinson. Gosto das pessoas que não cabem em definições e estruturas fixas. Considero bastante toda gente que dá nó na cabeça dos rotuladores profissionais.

 

Durante esses anos o Robinson passou também por tempos difíceis. Mas Deus lhe deu graça.

No presente momento sinto-me feliz e honrado em poder oferecer à Igreja de Cristo no Brasil este texto do Prof. Robinson. Creio, realmente, que apesar de conciso e leve, a contribuição que este livro trará ao povo de Deus neste país, será imensa. Especialmente para aquelas pessoas que desejam rever conceitos e re-enfocar sua própria vida e ministério na perspectiva de existirem de modo contributivo, participativo e revolucionário.

 

Que Deus continue abençoando o Robinson, a Miriam e ao pequeno Dudu.

Que Deus abençoe a você!

 

Rev. Caio Fábio D’ Araújo Filho

(1987)

 

Anúncios

7 Respostas para “Prefácio (01) – Caio Fábio para Robinson Cavalcanti

  1. Pedro Gonçalves da Silva

    Excelente texto à altura de seu autor que sempre encanta com uma literatura simples e profunda.
    Aprovo essa ideia de recordar os préfacios de livros que tanto influenciaram e influenciam os pendsadores evangélicos.
    Parabéns pela iniciativa!

  2. E pensar que, por ocasião da publicação da matéria “A nova Reforma Protestante” (2010), pela Revista Época, o Caio chama o Robinson e outros citados na matéria de “bundões”.

    • Engano seu incluir o bispo Robinson no Saco de Bun…Gatos que o Caio citou. Caio Fábio reconhece o histórico de lutas dele e sequer menciona o seu nome.

  3. Vamos deixar essas picuinhas de lado. Só Deus sabe quem são seus verdadeiros seguidores. Muitos não estão nesse meio evangélico e sim espalhados por todo mundo. Pela ordem de Melquisedeque muitos serão salvos, não há eclesiologia e nem sacerdócio. Vamos parar de tratar Jesus Cristo como uma Maomé ocidental, ele transcende paredes eclesiásticas e a única demonação que conta para Deus é o Amor!!!
    Um abraço para todos que queiram seguir a cristo sem paredes e barreiras.

  4. Lamentavelmente esse Dudu, filho adotivo de Robinson, é suspeito da morte do pai e mãe adotivos. É triste!
    http://diariodepernambuco.com.br/nota.asp?materia=20120227073634

  5. Como esse mundo dá voltas, heim Alex.

  6. Infelismente esse fato lamentável ocorreu….
    Mas o amado Bispo Robson Cavalcanti cumpriu sua missão como o apóstolo Tiago e nos deixou, mas Pedro ( o Caio ) nos continua a servir , ver: At: 12.

    soli Deo glória por tudo !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s